Notícias

Data: 08/01/2018
Prerrogativa de foro de juiz termina com aposentadoria compulsória, decide TRF-3

A prerrogativa de foro por função dos juízes acaba com a aposentadoria compulsória. Assim entendeu o Órgão Especial do Tribunal Regional Federal da 3ª Região ao enviar ao primeiro grau inquérito policial contra uma juíza do Trabalho aposentada em processo administrativo disciplinar.

 

O inquérito policial tramitava no TRF-3 amparado no parágrafo único do artigo 33 da Lei Orgânica da Magistratura. O dispositivo determina que, no curso da investigação, se houver indício de prática de crime por parte de magistrado, a autoridade policial deve remeter os autos ao tribunal competente.

 

Mas a juíza foi aposentada e, para o Órgão Especial do TRF-3, isso afasta a sua competência prevista na Loman, ainda que tenha havido recurso administrativo. Com informações da Assessoria de Imprensa do TRF-3.

 

Inquérito Policial 0003420-32.2016.4.03.0000/SP

Fonte: ConJur

Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário
Rua Nunes Machado, 68, 7° andar- Sala 706
Edifício The Five - Bairro: Centro
Curitiba - PR - CEP: 80250-000

Atendimento IBDPCalc:
(41) 99903-2969 ou pelo e-mail suportecalc@ibdp.org.br
Eventos e cursos:
(41) 99678-5957 ou pelo e-mail eventos@ibdp.org.br
Administrativo:
(41) 99927-2806 ou pelo e-mail ibdp@ibdp.org.br
Comunicação: (41) 99924-6656 ou pelo e-mail comunicacao@ibdp.org.br

Horário de atendimento:
Segunda a sexta das 9h às 18h.